UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

CCSA NOTÍCIAS

Ano II nº 1

 

 

CURVA DO SUCATEAMENTO

 

Por Rômulo Melo

 

Recebemos, com surpresa, uma correspondência da CODEOR/PROPLAN, onde se lê que os recursos destinados a diárias e passagens estavam limitados a um montante pré-fixado, pelo Ministério da Educação, (dezesseis por cento menor que o do exercício anterior) para seus órgãos, não podendo ultrapassar ou remanejar, em nenhuma hipótese, os valores destinados a cada unidade administrativa, valores esses alocados com base na matriz institucional.

Este ano, o CCSA realizará concurso público para provimento de vagas destinadas à reposição de docentes, onde a composição de banca examinadora é composta por professores da casa e professores convidados de outras instituições, como é sabido, e isso comprometerá  praticamente o montante de recursos (exercício de 2006) destinados ao centro nas rubricas 339014 e 339033, diárias e passagens, respectivamente.

É razoável supor que essa restrição orçamentária fará cair a quantidade de trabalhos publicados pelos pesquisadores do CCSA, e creio de toda a UFPB, que não poderão apresenta-los em congressos, seminários e afins, comprometendo o conceito dos cursos de Pós-Graduação junto aos órgãos credenciadores.

Cabe reflexão sobre o corte de recursos em questão, se considerarmos: 1) A estabilidade da moeda é uma realidade; 2) as exportações batem recordes seguidos; 3) o superávit na balança comercial ultrapassa em igual período os montantes dos anos anteriores; 4) a taxa de juro, vem diminuindo e 5) os indicadores macroeconômicos apontam para o crescimento da economia. Isso significa, que na outra ponta, há um aumento da receita do governo. Se isso é verdade, porque o corte nos recursos das universidades? Para onde estão sendo canalizados esses recursos? Obras sociais? Estradas? Saúde? Fundos de campanha? Ou o ensino superior, que é tratado em outros países como política de desenvolvimento, é aqui entendido como um bem caro e supérfluo?

 

Rômulo Melo é Economista e Gestor Técnico Administrativo do CCSA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nome do Arquivo: j0330871.wmf
Palavras-chave: Acadêmico, apertos de mão, barretes de formatura ...
Tamanho do Arquivo: 55 KB

SEXTA CONFERÊNCIA EUROPÉIA DE GOVERNO ELETRÔNICO

 

Voto Eletrônico no Brasil, trabalho selecionado,  para ser apresentado na Sexta Conferência Européia de Governo Eletrônico, a ser realizada na Universidade de Marburg, Alemanha, no final deste mês. O trabalho é da autoria dos professores  José Rodrigues Filho, Departamento de Administração e do Professor Natanael Gomes, da Universidade Federal de Pernambuco. Parabéns professores!

 

 

EXPEDIENTE

Diretor Guilherme de Albuquerque Cavalcanti

Vice-Diretor Paulo Roberto Nóbrega Cavalcante

Secretária Miriam Gomes Barreto

Recursos Humanos Esdras Costa de Souza

Editor: Rômulo Melo e-mail romulomelo@ccsa.ufpb.br

 

O jornal informativo do CCSA é confeccionado pela Gráfica da Editora Universitária

 

 

ASSESSORIAS

 

Financeira: Reginaldo Frota

Graduação: Renata Paes de Barros Câmara

Pós-Graduação: Paulo Amilton Maia Leite Filho

Extensão: Ivan Ramos Cavalcanti

Internacional: Ivan Targino Moreira

Informática: Elmano Pontes Cavalcanti

Jurídica: Ronaldo Santos Silva

 

Nome do Arquivo: j0349987.wmf
Palavras-chave: Comunicações, espaços, satélites ...
Tamanho do Arquivo: 7 KB

CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO

 

Dando continuidade ao trabalho de 27 anos de pós-graduação o Departamento de Biblioteconomia e Documentação/CCSA/UFPB vem trabalhando na reestruturação do Curso de Mestrado em Ciência da Informação - CMCI, iniciada em 2004. Finalmente, o projeto já foi aprovado em todas as instâncias  da Universidade Federal da Paraíba e seguiu para Brasília onde será avaliado em caráter definitivo pela CAPES.

 Intitulado “Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação” – PPGCI, o projeto é coordenado pela professora Dra. Joana Coeli Ribeiro Garcia e o seu início está previsto para 2007.

 

 O programa tem como área de concentração ”Informação, conhecimento e sociedade” e conta com duas linhas de pesquisa: uma denominada “Memória, organização, produção e uso da informação” e a outra “Ética, gestão e políticas de informação.”

 

 

GEOPEC

 

Alunos e professor do curso de Administração da UFPB, criaram o GPCEO - Grupo de Pesquisa em Cultura, Ética e Organizações. Experiência inédita no  Curso de Administração, este Grupo tem como objetivo,  elaborar projetos de pesquisa, promover debates e seminários sobre esses temas, com  intuito  de melhorar a qualidade do Curso de Administração, como também aprimorar os conhecimentos dos participantes. A informação é do professor do DA Fernado Luiz.

Essa garotada vai longe!

Nome do Arquivo: j0334096.wmf
Palavras-chave: Acadêmico, apresentações, Comunicações ...
Tamanho do Arquivo: 11 KB

TRABALHOS

 

O Conselho da Europa, através da Fundação de Ciência Européia e da Universidade de Economia e Administração de Viena, selecionou os 20 melhores trabalhos sobre Voto Eletrônico para ser discutidos num Workshop Internacional, a ser realizado no Castelo Vermelho de Hofen, da época da Renascença, Áustria, dentro do projeto de Democracia Eletrônica para a Europa, com despesas pagas pela Fundação Européia de Ciência.  Entre os 20 trabalhos selecionados, a UFPB/CCSA foi contemplada com o trabalho do Professor José Rodrigues Filho, Departamento de Administração, em co-autoria com o professor Luciano Campos e a Professora Cynthia Alexander da Acádia University, Canadá. A professora Cynthia Alexander é autora do reconhecido livro Digital Democracy.

 

Nome do Arquivo: j0310354.wmf
Palavras-chave: Bíblias, crianças, Escola Dominical ...
Tamanho do Arquivo: 50 KB

III CONTECSI

 

O Departamento de Administração se fará presente no Congresso Internacional de Gestão de Tecnologia e Sistemas de Informação (3o CONTECSI), a ser realizado na Universidade de São Paulo, no final de maio, com cerca de 10 trabalhos, incluindo trabalhos dos Professores José Rodrigues Filho e Luciano Campos, que fazem parte do Comitê Científico do Evento.

ADMINISTRAÇÃO NO EXTERIOR

 

O Curso de Administração/CCSA/UFPB, através do Programa de Intercâmbio Acadêmico Nacional e Internacional PIANI estará, em junho próximo, enviando as alunas  Anna Carolina Carneiro da Cunha, Manuella Melo Honorato, Germana Tavares de Melo e Andressa Vieira Cesário,  para estudarem durante um ano na Universidade de Leeds, Inglaterra. Assim como Thiago Gomes Ferraz que   estará embarcando rumo ao Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa, em Lisboa/Portugal. Parabéns a todos!

 

 

 

 

INSTITUTO POLIS

 

O professor Humberto Marques Filho, do Departamento de Administração, foi convidado, especialmente, pelo Instituto Polis, para participar de um Projeto de Pesquisa, sobre o tema – Avaliação de Propostas de Políticas Públicas de Apoio ao Desenvolvimento da Fundação Banco do Brasil. A pesquisa abrange a formulação de um conjunto de proposições no campo das Políticas Públicas, e propõe oferece-las não apenas ao debate da Comunidade Acadêmica, mas ao Governo Federal, como mecanismo de orientação de suas ações nesse campo. O Projeto será  desenvolvido naquele Instituto e contará com financiamento da Fundação Banco do Brasil.

Sem perder o ritmo o Professor Humberto, escreveu, capítulo inteiro, sobre o tema “O modelo de Gestão Deliberativa do Município de Camaragibe/PE”. Capítulo esse inserido no livro “Inovação no Campo da Gestão Pública Local” – Organizado pelos professores   Pedro Jacobi e José Antônio Gomes de Pinho. Novos Desafios, Novos Patamares, ED.FGV,2006.

Parabéns professor!

__________________________________

 

 

 

 

 

 

 


IX ERECIC-NE

 

 

 

 

O CCSA foi palco do maior encontro de Estudantes de ciências Contábeis do Brasil, o IX Encontro Regional de Estudantes de Ciências Contábeis do Nordeste realizou-se de 13 a 16 de abril no Espaço Cultural José Lins do Rego e na UFPB. O evento teve como tema central “O Brasil e a Corrupção: Qual O Papel da Contabilidade?” e contou com a participação de mais de 1.000 estudantes de todos os estados do Nordeste e do Pará que vieram prestigiar o IX ERECIC-NE. Parabéns ao CACIC e a seu presidente Moisés Neto

 

 

 

 

Nome do Arquivo: j0330868.wmf
Palavras-chave: Acadêmico, apontando, Comunicações ...
Tamanho do Arquivo: 41 KB

 

Defesas de dissertação PPGE ocorridas nos meses de fevereiro/março

 

MESTRANDO

TÍTULO

BANCA

DATA

OSVALDO CÂNDIDO DA SILVA FILHO

Política monetária e mudanças macroeconômicas no Brasil: uma abordagem MS-VAR

Luciano da Costa Silva (orientador); Sinézio Fernandes Maia (examinador interno); Mamadu Lamarana Bari-FVC/BA (examinador externo)

21/02/2006

BRUNO

FERREIRA FRASCAROLI

Utilização de redes neurais artificiais para classificação de ratings de risco soberano

Luciano da Costa Silva (orientador); José Antonio Rodrigues da Silva (examinador interno); Mamadu Lamarana Bari-FVC/BA (examinador externo)

22/02/2006

EDWARD MARTINS COSTA

Estratégia comercial em ambiente de oligopólio entre Brasil e Estados Unidos: estudo do setor siderúrgico

Sinézio Fernandes Maia (orientador); Paulo Amilton Maia Leite Filho (examinador interno); Ricardo Chaves Lima-UFPE (examinador externo)

22/02/2006

HÉLIO DE SOUSA RAMOS FILHO

Estudo da dinâmica do balanço de pagamentos do Brasil (1995-2004) utilizando modelos de séries temporais

Sinézio Fernandes Maia (orientador); Guilherme de Albuquerque Cavalcanti (examinador interno); Álvaro Barrantes Hidalgo-UFPE (examinador externo)

23/02/2006

FÁBIO  Lúcio Rodrigues

Implementação de métodos numéricos para precificação de opções com distribuição não-gaussiana

Luciano da Costa Silva (orientador); Paulo Fernando M. B. Cavalcanti Filho (examinador inerno); Alexandre Stamford da Silva-UFPE (examinador externo)

03/03/2006

 

Defesas de dissertação PPGE marcadas para o mês de abril

 

Luiz Antonio Coêlho da Silva

O capital intelectual e as formas alternativas de sua mensuração pelas empresas: um estudo ilustrativo em uma empresa de calçados da Paraíba

Isabel Lausanne Fontgalland (orientadora); Ivan Targino Moreira (examinador interno); Paulo Ortiz Rocha de Aragão-UFCG (examinador externo)

06/04/2006

Paula           Giovanini Bandeira Cabral

Aplicação da teoria dos jogos para formalizar a estratégia do uso do GNV na prestação de serviço em transporte de passageiros em veículos leves em regime de aluguel (táxi), na Paraíba

Paulo Amilton Maia Leite Filho (orientador); Luciano Menezes Bezerra Sampaio(examinador interno); Marcelo Bezerra Grilo-UFCG (examinador externo)

10/04/2006

 

Rafael Lúcio Lopes de Oliveira

Os impactos da utilização do supply chain management no processo de trabalho e no emprego do setor de supermercados (1990-2004)

Nelson Rosas Ribeiro (orientador); Luís Henrique Romani de Campos (examinador interno); Frederico Jayme Katz-UNICAP (examinador externo)

03/04/2006

 

Douglas de Medeiros Franco

Uma resenha sobre a análise econômica dos contratos

Paulo Amilton Maia Leite Filho (orientador); Paulo Fernando M. B. Cavalcanti Filho(examinador interno); David Ricardo Colaço Bezerra-UFPE (examinador externo)

12/04/2006

 

 

 

Nome do Arquivo: j0319308.wmf
Palavras-chave: Comunicações, difusão, difusões ...
Tamanho do Arquivo: 5 KB

AULA INAUGURAL

A aula inaugural do PPGE,  semestre letivo 2006.1: foi proferida pelo Reitor da UFPB, Professor Rômulo Soares Polari, em 11/04/2006, às 9:00 horas, no Auditório 211 do CCSA. Na oportunidade ocorreu o lançamento do livro "A economia paraibana: estratégias competitivas e políticas públicas", organizado pelos professores Ivan Targino Moreira, Fred Leite Siqueira Campos e Lúcia Maria Góes Moutinho.

 

 

 

 
Cantinho da poesia

 

 

Luz

 

Rômulo Melo

 

Toda luz

toda claridade

assim te vejo

no desejo

que me invade

 

Corpo crescente

que se insinua

e se situa

tarde da noite

na minha mente

 

 

 

 

 

Ponto de Vista

 

A RESPONSABILIDADE DAS NOSSAS ESCOLHAS

 

Dá licença? Dependendo da ocasião, essa frase substitui as famosas “A vida é minha!”, “Tenho direito de ser feliz!”, “Me deixe em paz!” ou, como dizem os adolescentes:  “Fui!”

No uso do direito que nos foi outorgado desde a criação do mundo – O LIVRE ARBÍTRIO - , lutamos para decidir por nós mesmos, para desenhar de próprio punho o “lay out” da nossa existência, desde que nos seja permitido, a qualquer tempo, usar a borracha, apagar tudo e começar de novo.

Acontece que no exercício diário das decisões, somos desafiados a prosseguir ou recuar, sem permissão para apagar sequer um traço do que ficou escrito na história da nossa vida. Tudo o que foi, continua sendo e, mesmo quando passa, quando não mais existe, é fato consumado que jamais se anula.

Daí a responsabilidade das nossas escolhas. Elas devem estar fundamentadas na sabedoria que atenda além dos nossos objetivos e interesses pessoais: “A sabedoria que vem do alto é primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e bons frutos, sem parcialidade e sem hipocrisia” (Tg 3:17).

Não podemos esquecer que o estilo da vida que vivemos hoje se incumbe de definir a qualidade do fruto que colheremos amanhã - “Tudo que o homem semear, isso também ceifará” (Gl 6:7) - inclusive da paz que povoará nossa alma e velará nosso sono diário - “Quando te deitares, não temerás. Quando te deitares, o teu sono será suave”. (Pv 3:24). Não podemos esquecer que escolher nosso destino é muito mais que realizar um projeto montado nos nossos sonhos. É muito mais que satisfazer sentimentos nascidos num coração que nos trai. “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e incorrigível. Quem o conhecerá?” (Jr 17:9). É muito mais que atropelar os outros ou desfazer os seus feitos. É muito mais que, apenas, cuidar das nossas próprias vidas.

Como seres mutantes, nossos valores mudam com o tempo, mudam com o que muda à nossa volta. Essas mudanças nos inclinam para atitudes diferentes e, de repente, podemos nos descobrir em escolhas erradas, caminhando como cegos, seguindo para nenhum lugar, dirigidos por miragens e fantasias, buscando atingir o inalcançável. Podemos nos descobrir lutando em vão para vencer os obstáculos que impedem que construamos “de verdade”, num mundo “de mentira”, que inventamos para justificar nossa decisão de seguir em frente, apesar de tudo, apesar de todos, apesar das lágrimas que plantamos e do pranto que choramos. Quando descobrimos que erramos, decidir pelo retorno significa seguir em frente, em nova direção. Significa prosseguir a partir de caminhos que desprezamos, no ponto de partida ou nas bifurcações que deixamos para trás. Significa juntar forças para sair da correnteza que nos impulsiona para um salto profundo. Significa assumir os erros, ter disposição para reconstruir, para alargar a alma, para pedir perdão, para soprar os machucados dos que estão sob a nossa responsabilidade, que fazem parte da nossa história ou que, simplesmente, nos cercam.

Participantes do maior BIG BROTHER da humanidade, artistas do REALITY SHOW, somos vigiados por câmeras infalíveis e acabamos nos revelando, juntamente com nossas intenções – “Os olhos do Senhor estão em todo o lugar, contemplando os bons e os maus”. (Pv 15:3). Deus, que nos assiste no grande show da vida, sopra nossas máscaras e permite que nossas verdades explodam, sem desculpas, sem maquiagens, sem enganos. Pelo menos para nós mesmos, chega um instante em que tudo vem à luz! Por isso o livre arbítrio é também um pesado fardo e um grande risco. Exercê-lo é muito mais do que pedir passagem, do que apenas dizer: Dá licença? É reconhecer-se necessitado da direção de Deus e de homens prudentes. É ser temente e humilde para dividir o peso das decisões de cada dia. “Pois com conselhos prudentes farás a guerra e na multidão dos conselheiros há vitória” (Pv 24:6).

 

Danielita Pinto de Morais

É  professora do Departamento de Finanças e Contabilidade

 

Nome do Arquivo: j0334274.wmf
Palavras-chave: cartas, computadores, Comunicações ...
Tamanho do Arquivo: 20 KB

SELEÇÃO PARA DOUTORES

O PPGE, teve 07 (sete) alunos aprovados em programas de doutorado no país, em 2006. Veja a relação:  Hélio de Sousa Ramos Filho - PIMES/UFPE, Mércia Santos da Cruz - CAEN/UFC,  Bruno Ferreira Frascaroli - PIMES/UFPE, Edward Martins Costa - PIMES/UFPE, Osvaldo Cândido da Silva Filho – UFMG e Maione Rocha Bezerra - UnB