Textos para Discussão/Ensaios

Pobreza antropométrica e os determinantes do status nutricional das crianças no Brasil
Número:8
Ano: 2012
Autores (nomes): Gabriela Bezerra de Medeiros ; Erik Alencar de Figueiredo ; Edilean Kleber da Silva Bejarano Aragon
Autores (citações): Medeiros de Bezerra Gabriela ; Figueiredo, E A ; Aragon, E K S B
Resumo: Este trabalho analisa o status nutricional das crianças brasileiras menores de cinco anos de idade. Primeiro, são construídos indicadores de pobreza antropométrica e testado se as mudanças ocorridas entre os anos de 1996 e 2006 foram estatisticamente significativas. Para o período em análise, constatam-se significativas reduções na pobreza antropométrica e, em especial, nos indicadores de desnutrição crônica. Para analisar os determinantes do status nutricional das crianças, estimam-se modelos de regressão multinível e linear. Os resultados encontrados mostram que: i) a educação da mãe afeta positivamente o status nutricional das crianças, sendo este impacto maior no curto prazo; ii) a renda domiciliar per capita tem um efeito positivo e significativo somente para as crianças com mais de 24 meses; iii) as crianças que vivem na região Norte tendem a apresentar um status nutricional inferior ao das crianças de outras localidades do país; e iv) a realização de pré-natal tem efeito positivo sobre os indicadores de nutrição para as crianças com menos de 24 meses.
Abstract: This paper analyzes the nutritional status of Brazilian children under five years old. First, the anthropometric poverty indicators are constructed and tested whether the changes between 1996 and 2006 were statistically significant. For the period under review, there are significant reductions in poverty anthropometric and, in particular, indicators of chronic malnutrition. Multilevel and linear regression models and linear are estimated to analyze the determinants of nutritional status of children. The results show that: i) mother's education positively affects the nutritional status of children with a greater impact in the short term; ii) per capita household income has a positive and significant only for children over 24 months; iii) children living in the North tend to have lower nutritional status; iv) the realization of prenatal has the positive effect on indicators of nutrition for children under 24 months.
586KB | 70 downloads


® PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA - UFPB, 1980-2022 - Todos os direitos reservados
Jardim Cidade Universitária, CEP - 58.051-900, João Pessoa - PB
Principal | PPGE | Pessoas | Ensino | Pesquisas | UFPB
Acessos: 52.891 | Online agora: 1 pessoa | 0 usuário | 1 visitante